Terça-feira, 16 de Abril, 2024

Oficial do SIC morre após ser submetida a tratamento por um curandeiro

Uma subinspectora dos Serviços de Investigação Criminal (SIC), colocada no Moxico, morreu, segunda-feira última, no bairro Alto Luena, arredores da cidade, após ser submetida, alegadamente, a um tratamento de água da chuva armazenada em latas colocadas em sepulturas no cemitério municipal.

A cidadã, de 45 anos de idade, que respondia pelo nome de Fátima Miza, foi, igualmente, submetida a massagens de raízes diversas, por um suposto curandeiro.

Após agravar o quadro clínico, a vítima foi evacuada ao Hospital Geral do Moxico (HGM) aonde faleceu.

De acordo com uma nota de imprensa da Polícia Nacional a que a ANGOP teve hoje acesso, o acto negligência foi praticado na residência do suposto curandeiro de 45 anos de idade,  conhecido por Marcelino Venâncio, em companhia de dois dos seus ajudantes, que já se encontram detidos.

A Polícia Nacional (PN) apreendeu, na residência do curandeiro, diversas raízes de plantas usadas durante o tratamento.

Angop

×
×

Cart