Record nega denúncia contra director executivo

Os mandatários da Rede Record Televisão (Angola), Lda, desmentiram, em Luanda, acusações de um suposto envolvimento do director executivo da empresa, Fernando Henrique Teixeira, em crimes contra pastores angolanos da Igreja Universal do Reino de Deus.

Ao reagir a uma notícia veiculada pela ANGOP, intitulada “Angolanos denunciam difamação”, os mandatários consideram falsas as denúncias da Comissão de Reforma da IURD sobre a suposta contratação, por Fernando Henrique Teixeira, de 40 indivíduos desconhecidos, fortemente armados, para atentar contra a vida de pastores angolanos.

Para todo o tipo de comunicação, utilizar os seguintes contactos:

Designed by nzaylakasesa,lda.

×
×

Cart