Quinta-feira, 20 de Junho, 2024

Libertado dos EUA empresário libanês que operou em Angola com ligações ao Hezbollah

Um empresário libanês que operou durante anos em Angola e foi detido pelos EUA por ligações ao grupo Hezbollah chegou na quarta-feira a Beirute depois de ter cumprido apenas um ano de prisão, noticiou a imprensa.

Kassim Tajideen era dono em Angola da Arosfran, uma empresa de importação de bens alimentares, e abandonou o país depois de ter pendente um mandato de captura internacional por financiamento e lavagem de dinheiro para o grupo xiita Hezbollah.

O empresário veio a ser detido em Marrocos em 2017 de onde foi extraditado para os Estados Unidos, tendo sido condenado a cinco anos de prisão, após confessar a culpa perante as autoridades norte-americanas.

×
×

Cart