Terça-feira, 18 de Junho, 2024

Unidades sanitárias de Luanda reforçadas com material de biossegurança

Mais de 100 toneladas de material de biossegurança de prevenção à pandemia do novo coronavírus (covid-19) foram entregues ontem, terça-feira, pelo Ministério da Saúde (MINSA) ao Governo da Província de Luanda (GPL).

No lote constam caixas de álcool gel, botas de borracha, fatos-macacos de biossegurança de nível três, máscaras cirúrgicas descartáveis, óculos de protecção, termómetros infravermelhos, bem como medicamentos para combate à malária e outras patologias.

Em declarações à imprensa, a ministra da Saúde, Sílvia Lutucuta, precisou que esse fornecimento visa reforçar as unidades sanitárias de Luanda com material de biossegurança e melhorar o atendimento em fármacos.

Apelou aos administradores municipais para fiscalizarem o investimento feito pelo Governo, em prol da saúde da população.

Com o gesto do MINSA, o governador cessante da província de Luanda, Sérgio Luther Rescova, augura que melhores dias se avizinham no atendimento dos munícipes nas unidades sanitárias, bem como no combate à pandemia do novo coronavirús.

Orientou os administradores municipais para acompanharem a distribuição dos materiais, que vão servir para a protecção dos funcionários e dos utentes dos centros médicos.

A entrega do MINSA vai ser distribuída as 183 unidades sanitárias públicas (hospitais, centros médicos e postos de saúde) controladas pelo Governo Provincial de Luanda (GPL).

×
×

Cart